Latest Entries »

Menu do Varanda assinado pela chef Simone Bert

O restaurante Varanda, em Fernando de Noronha, recebe a partir de hoje (21), para a segunda etapa do Festival Gastronômico de Pernambuco, a chef Simone Bert, do restaurante Wanchako, em Alagoas. Para o cardápio da casa, durante o Festival, a chef prepara como entrada o Cebiche Hermoso. Como prato principal será servido o Pepito. Já a sobremesa fica por conta da deliciosa Torta de graviola gelada.

Arena dos chefs no seu segundo dia

Os amantes da culinária terão, mais uma vez, a oportunidade de conhecer os segredos dos chefs de cozinha. A arena dos chefs, que acontece no shopping Tacaruna, recebe hoje (20), Jeff Colas, do Maison do Bomfim; Bruno Catão, do Papa Capim; Yoshi Matsumoto, do Sushi Yoshi e Douglas Van Der Ley, do restaurante É. A primeira aula acontece a partir das 14h, com o chef do Maison. A partir das 16h, é a vez do chef Bruno Catão revelar os segredos da sua cozinha. Yoshi Matsumoto vem logo em seguida, às 18h, ensinando aos participantes as delícias da cozinha oriental. E pra fechar a noite, às 20h, o chef Douglas Van Der Ley.

O Nez Bistrô, comandado pelas chefs Taciana Teti e Lícia Maranhão, recebe como convidado durante a segunda etapa do Festival Gastronômico de Pernambuco o chef Maurício Ganzarolli, do restaurante Bananeira, em São Paulo. Para o cardápio fechado especial, o chef oferece como entrada o Camarão na Banana. O prato principal fica por conta do Cordeiro em Croûte, servido com Galetto de Mandioquinha. Para finalizar a refeição, a sobremesa Creme Brulée de Banana e Gengibre.

O La Pasta Galleria, do chef André Falcão, recebe como convidado do Festival Gastronômico de Pernambuco o chef Dalton Rangel, do Yuca Gourmet, no Rio de Janeiro. Para o menu exclusivo do evento, o chef oferece a entrada Rabada dos Deuses. O prato principal é o Ossobuco de Vitela com Gratinado de Manga. A sobremesa fica por conta do Semifreddo de Torrone, servido com ganache e salpicado de pistache.

O restaurante Porto Ferreiro recebe, durante a segunda etapa do Festival Gastronômico de Pernambuco, o chef Renato Freire, da Confeitaria Colombo, no Rio de Janeiro. Para o menu do evento o chef preparou como entrada a Lagosta fingida ao molho golf de melancia, caviar de sagu e saladinha verde ao vinagrete de pitanga. Como prato principal será servido o Filé de sirigado com Crosta de coco queimado, Arroz negro com sururu e bredo, Maxixe recheado com siri e palha de baroa. A sobremesa fica por conta do Pastel de cartola, sorvete de tapioca e calda de mel de engenho e cachaça.

Menu do Restaurante Anjo Solto

A partir da próxima quinta-feira (21), começa a segunda etapa do Festival Gastronômico de Pernambuco. Desta fase, que vai até o dia 23, participam dezessete restaurantes não associados à Boa Lembrança. Um deles é o restaurante Anjo Solto, que recebe como convidado, nesta edição, a chef Lucien Taira, do Nakombi, em São Paulo.
A chef preparou um cardápio super charmoso para os amantes da gastronomia. Como prato de entrada, será servido um Ceviche de robalo, abacaxi e ovas de salmão. O prato principal fica por conta do Filé mignon com Aji panca e purê de batata doce com gengibre. Já a sobremesa será o Cheese cake oriental.

Sustentabilidade na sua casa

O Festival Gastronomico de Pernambuco tem como tema a Gastronomia Por Um Mundo Melhor pensada por todos, não só por profissionais, estudantes, restaurantes e empresas do mercado alimentício, então, que tal praticar as dicas para tornar seu dia a dia mais verde?

Exerça a coleta seletiva. Separe plástico, vidro, papel e papelão e metal em lixeiras separadas. Proponha essa mudança de coleta com seus vizinhos ou no condomínio: Além de fazer o bem ao meio ambiente você pode ter benefícios no bolso! Na Região Metropolitana do Recife, por exemplo, a Celpe – Companhia Energética de Pernambuco – realiza o Ecocelpe, programa de incentivo financeiro para clientes residenciais, condomínios, indústrias e empresas em geral que realizarem a coleta seletiva. Para saber mais acesse o site Ecocelpe

Armazene o óleo de cozinha em garrafas PET e entregue nos postos de coleta na rede de supermercados Bompreço ou ligue para a Bomerangue, empresa que coleta o óleo na porta de sua casa: (81) 3479-2677.

Combata o desperdício dos alimentos. Use-os integralmente em receitas nutritivas e deliciosas. Confira algumas dicas do Banco de Alimentos e da Recicloteca de como aproveitar cascas, talos, folhas e sementes.

Cultive uma mini-horta e aproveite de todo o sabor de alimentos orgânicos. Na web, sites como o da loja Jardinaria dão ótimas orientações de como fazer a sua, seja no terraço de uma casa espaçosa ou em uma pequena varanda de um apartamento no centro urbano. Acesse: http://www.jardinaria.com.br/site/2009/09/e-facil-montar-uma-mini-horta/ e

O que a gastronomia pode fazer por um mundo melhor? Essa era a questão defendida pelas duplas participantes da primeira etapa do Concurso dos Estudantes, que aconteceu ontem (16), a partir das 10h, na Arena da Ferreira Costa. Inspirados no tema da nona edição do Festival Gastronômico de Pernambuco, os alunos dos cursos no Senac, FBV, Universo, UFPE, Maurício de Nassau e Senac CHT apresentaram os trabalhos didáticos com teorias e soluções sustentáveis.

Os primeiros a se apresentarem foram Doryan Filho e Marcos Nascimento, da Faculdade Boa Viagem. Os estudantes mostraram pontos importantes de como profissionais da gastronomia podem mudar de atitude para preservar o meio ambiente. A dupla seguinte, da Universidade Federal de Pernambuco, foi Juliane Krebs e Paulo Matos, que defenderam o movimento Slow Food, que segue o conceito da ecogastronomia. O terceiro grupo avaliado, formado por Suely Cohen e Adilson Bispo, da Universidade Salgado de Oliveira, mostrou outro lado da gastronomia por um mundo melhor: a inclusão social.

Continuando com as apresentações, a dupla que se apresentou em seguida foi Mário Sérgio e Enio Queiroz, da Faculdade Maurício de Nassau, que abordou as teorias dos biomas e as ações necessárias para evitar, ainda mais, a sua degradação. Carmen Virgínia e Felipe José foram os estudantes da Faculdade Senac, que mostraram como a cultura de um povo pode interferir na causa sustentável. Eles explicaram como o candomblé respeita a natureza e como sua tradição pode colaborar nas ações sustentáveis. Por último, Diego Rodrigues e Carlos Vinícius, do Senac Centro de Hotelaria e Turismo, apresentaram soluções simples e práticas de como armazenar e onde entregar o óleo de cozinha, o Minhocasa, um projeto que aplica a destinação adequada do lixo orgânico, as mini-hortas e o reaproveitamento dos alimentos com receitas baratas e saborosas, utilizando partes como as cascas, geralmente desperdiçadas na cozinha.

O resultado

O resultado final não foi nada fácil para o júri foi formado por Marcelo Katsuki (jornalista da Folha de São Paulo e do site Comes e Bebes), Cláudio Manoel (chef do La Comédie), Gilson Medeiros (Ferreira Costa), Brigitte Anckaert (chef do Chez Brigitte), César Santos (chef do Oficina do Sabor e organizador do festival) e Ana Cláudia Lins (jornalista e organizadora do festival). Os critérios avaliados nos vinte minutos disponibilizados a cada dupla foram apresentação visual, conteúdo apresentado, qualidade, além da animação da torcida. Com 218 pontos, o primeiro lugar ficou com Diego Rodrigues e Carlos Vinícius, alunos do Senac CHT, que foram contemplados com R$ 800 reais em compras na rede Bompreço, presentes da Tramontina e Ferreira Costa. Outras três duplas ficaram empatadas no segundo lugar, o que prova que os cursos de gastronomia no Estado capacitam com excelência os futuros profissionais. O próximo desafio será a etapa do concurso disputada na Arena dos Chefs, na quinta-feira, 21, no Shopping Tacaruna.

Carlos Vinícus e Diego Rodrigues, vencedores da primeira etapa do Concurso dos Estudantes do Festival Gastronômico de Pernambuco

A pousada Zé Maria no Recife Bom de Garfo

No Recife Bom Garfo o restaurante Zé Maria, em Fernando de Noronha, convida o chef Pedro Rodrigues, do Bartrô, no Rio de Janeiro. A entrada fica por conta da salada hidropônica, onde as folhas são cultivadas no próprio restaurante. O prato principal  é o pernil de cabrito e carne de sol com arroz de café com mel. De sobremesa, bolos, tortas, os mousses.

O Wiella Bistrô, do chef Claudemir Barros, recebe como convidado a chef Laura Bonaiuti, do Laura & Francesco, em São Paulo. Para o menu da casa, a chef traz como entrada o Capaccio de manga, abobrinhas grelhadas e camarões. O prato principal é Nhoque de mandioquinha e carne seca com manteiga, salvia, creme de mandioquinha e alçafrão e couve refogado com bacon. Já para a sobremesa, é servido p Semifreddo de banana.